•  
     

Stephen Hawking quer desvendar os mistérios do universo usando um supercomputador

A Silicon Graphics International (SGI) é famosa por construir computadores superpotentes, como o usado para prever revoluções a partir de artigos jornalísticos. No mês passado, a empresa anunciou o seu mais recente e poderoso PC: o SGI UV2 – também conhecido como “Big Brain”, ou “Grande Cérebro” em português.

O primeiro modelo dessa máquina foi enviado ao Dr. Stephen Hawking, renomado físico teórico e cosmólogo britânico, o qual pretende usar o UV2 para “simplesmente” desvendar os segredos do universo.

Para isso, o cientista conta com o processador de 4.096 núcleos e os 64 TB de memória do “Big Brain” – configuração capaz de processar 4 TB de dados por segundo. Para se ter uma ideia, conforme informado pelo site Data Center Knowledge, toda a biblioteca do Congresso dos EUA ocuparia “apenas” 10 TB de espaço em um disco de armazenamento. Assim, o PC da SGI poderia processar todo esse conteúdo em menos de 3 segundos.

"Estou muito feliz receber o primeiro SGI UV2 do mundo", comentou Hawking. "Novas observações do nosso Universo, como o satélite Planck, estão nos oferecendo novos insights. A fim de testar nossas teorias matemáticas, precisamos corresponder a esses detalhes em simulações computacionais. A flexibilidade do novo sistema UV2, que em breve será integrado com a tecnologia MIC da Intel, garantirá que os pesquisadores do Reino Unido se mantenham na vanguarda da cosmologia fundamental e observacional", complementou o cientista.

Embora o desempenho do UV2 seja impressionante, o preço desse supercomputador é relativamente baixo. Atualmente, o modelo mais simples do “Big Brain” custa US$ 30 mil (R$ 61 mil).

Fonte: Silicon Graphics International, Data Center Knowledge