•  
     

Sony mostra trecho de Assassin's Creed 4: Black Flag no PS4 durante a BGS




Um dos jogos disponíveis em vários estandes na BGS, Assassin's Creed 4: Black Flag está às vésperas de seu lançamento e é muito aguardado pelos fiéis fãs da franquia dos assassinos. Buscando saber um pouco mais sobre o novo episódio, o BJ convidou Ambre Lizurey, produtora do jogo, para uma entrevista em nosso estade no evento.

Durante a conversa, ela tratou temas como o personagem que os jogadores vão controlar dentro da Abstergo Entertainment nos trechos passados no tempo atual, os planos para o futuro sa série no Brasil e no mundo e os desafios enfrentados durante a produção. Você pode ver a entrevista completa no vídeo acima.

Pouco antes, em uma sessão a portas fechadas realizada no estande da Sony no Brasil Game Show, Lizurey realizou uma breve apresentação do jogo em sua versão para PlayStation 4. Ela também abordou detalhes sobre o mundo aberto, a fluidez da transição entre as porções navais e em terra firme e a duração da campanha.

Portas fechadas, mundo aberto



Imagem

Durante o trecho de jogo exibido, pudemos ver o protagonista do jogo, Edward Kenway, tomando controle do navio Jackdaw para destruir uma embarcação inimiga, explodir as defesas de um forte, invadir o local e matar seus comandantes. O combate marítmo parece mais dinâmico do que a versão no game anterior, com as mútiplas opções de armamentos e estratégias disponíveis.

Segundo Lizurey, as mudanças da versão do game para os consoles da próxima geração com relação à atual serão apenas visuais, sem conteúdo adicional. Como pudemos constatar na apresentação, o poderio da nova geração de consoles beneficia bastante os gráficos do jogo. O efeito translúcido da água nas áreas rasas chega a surpreender, assim como as vividez das explosões e a quantidade de acontecimentos simultâneos durante o combate dentro do forte.

Além de demonstrar a já conhecida fluidez na mudança entre as sequências navais e a exploração em terra firme, o trecho em que o Edward invade o forte chama a tenção também pelo comportamento dos NPCs. As atitudes dos membros de seu bando de piratas, assim como as dos adversários, parecem muito mais naturais do que nos jogos anteriores. Pelo visto, nada mais de ver combates robóticos entre personagens não-jogáveis.



Soltando o corpo

Imagem

Durante a demonstração, Lizurey voltou a ressaltar as amplitude do mundo aberto do novo jogo e a grande quantidade de missões e atividades opcionais. Segundo ela, o jogo conta com até 20 horas de conteúdo somente na história e cerca de 50 horas em sidequests e busca por intes colecionaveis, entre outras coisas.

O game também terá entre 20 e 25 minutos de missões relacionadas à história principal nos tempo modernos, durante as quais será possível controlar um dos funcionários da Abstergo Entertainment. Além disso, os jogadores poderão entrar e sair da Animus quando bem entenderem, e não apenas em momentos específicos, para realizarem sidequests no presente.

Assassin's Creed 4: Black Flag será lançado na próxima terça-feira (29) para o PS3, Xbox 360, Wii U e PC. A versão para PS4 e Xbox One está prevista para o dia 22 de novembro deste ano.


Fonte
 
man esse jogo promete cara olha o grafio ___ sony dps da microsoft e a melhor ___ em termo de grafico