•  
     

Real Madrid estuda liberar Kaká de graça

Imagem

Parece que os dias de Kaká na capital espanhola estão chegando ao fim. Contratado a peso de ouro em 2009, o meia nunca chegou perto de repetir em Madri as atuações dos tempos de Milan, quando foi eleito melhor do mundo pela FIFA. Insatisfeito com o histórico do atleta no clube, o presidente Florentino Pérez já vinha analisando propostas pelo camisa 8, mas parece que sua expulsão no jogo de sábado, contra o Osasuña, foi a gota d'água para ele, que cogita liberar o jogador de graça, caso as propostas não sejam vantajosas.[i]Segundo o jornal Mundo Deportivo, seu salário de 12 milhões de euros por temporada seria fator chave para sua negociação. Com seguidas lesões e pouco aproveitamento em campo, o brasileiro acabou se tornando um péssimo negócio para o Real. Para piorar sua situação, em 2010 o alemão Özil foi contratado e caiu nas graças de José Mourinho, assumindo a vaga de titular e colocando o ex-jogador do São Paulo no banco de reservas.

Na atual temporada, o craque atuou em sete partidas do Campeonato Espanhol, mas não marcou gols. Na última delas, ficou em campo por apenas 18 minutos, mas foi suficiente para ser punido com dois cartões amarelos, que acabaram resultando em um vermelho. Apesar de ter sido expulso apenas três vezes na carreira, essa teve o peso de muitas para os dirigentes merengues.
[/i]
 
seria bem vindo ao mengão... quem sabe aqui ele recupere o prestigio...
a adidas é patrocinadora dele, poderia colocar no fla pra ele se estabilizar na seleção.