•  
     

Lançamento do PS4: veja o que pode rolar no evento da Sony

PS4 poderá ser anunciado em evento da Sony nesta quarta-feira (20). A empresa fará uma conferência nos EUA com o título “The Future of PlayStation” (“O Futuro do PlayStation”) cercada de mistérios. O TechTudo estará presente no evento e fará a transmissão ao vivo, em tempo real, a partir das 20h (horário de Brasília)

Imagem


O que será o evento

O evento em questão será uma reunião nomeada apenas “PlayStation Meeting”, que acontecerá no Hammerstein Ballroom, em Nova Iorque. Fechado para convidados e jornalistas, a ocasião mostrará a estratégia empresarial da Sony Computer Entertainment para os próximos 12 meses.
Embora a Sony deixe o motivo do evento fora de hora oculto, há muitos sinais de que o assunto da vez será o PlayStation 4. Não apenas os rumores sobre os detalhes técnicos do sistema vêm se espalhando por toda parte, a Sony fez questão de trazer a ocasião à tona com um vídeo que nada revela – apenas que “o futuro” está chegando. Para completar, um dos executivos da empresa disse recentemente que o console seria revelado antes da E3, que acontece em junho.

Imagem
A foto vazada mostra como será o controle do PS4 (Foto: Digital Foundry)

O que está confirmado

Há pouco confirmado para a reunião, com exceção das conversas empresariais que tomam palco. Podemos contar, no entanto, com a retomada de uma série de notícia já espalhadas pela imprensa. Killzone 4 para o console da próxima geração e a versão de Watchdogs para PS3 serão dois nomes de peso que devem dar as caras pela primeira vez em um aparelho da Sony.
Outros jogos para Vita, já anunciados na noite passada (17) em um vídeo para o Japão, devem ser formalmente apresentados também para o ocidente. O jogo Tearaway, da mesma equipe que criou LittleBigPlanet, deve figurar como carro-chefe do Vita, já que está no processo de desenvolvimento há mais de dois anos. Para o público hardcore, a Sony deve exibir a primeira versão para consoles do vindouro The Witcher 3: Wild Hunt, que já teve aval da CD Projekt RED para ser portado para consoles.

Imagem
Killzone 4 deve começar do ponto onde parou Killzone 3. (Foto: Divulgação)

O que pode pintar

Além do suposto PlayStation 4, há confirmações da imprensa japonesa de que a revelação será feita, há vazamentos de informação que mostram até mesmo o formato do novo DualShock – como se vê na foto, ele incorporaria um superfície touch e a estrutura luminosa do PS Move em sua constituição. Se este for o caso, é provável que vejamos também o retorno de muitas das franquias da Sony remodeladas para a tecnologia next-gen, como a própria empresa disse que faria, e a nova rede social “BigFest”, que acompanhará o aparelho na tentativa de socializar seus os jogadores de PlayStation.
Deixando o novo console de lado, uma das possíveis novidades quanto ao PS Vita pode ser uma nova versão que inclui uma saída HMDI e acesso à rede 4G, além de uma queda no preço do aparelho para apenas 200 dólares. Patentes do início do ano confirmam que a Sony anda trabalhando na atualização do hardware. Da mesma forma, outras patentes nos contam que a empresa pode pegar uma parcela de seu tempo para falar de seu tablet dedicado a games, o WikiPad, ou revelar outros aparelhos com o mesmo objetivo. Há ainda uma grande chance de vermos os óculos 3D que não exigem a presença de uma televisão para os jogos, lançados há pouco tempo pela Sony.
Por último, é de se esperar que a Sony finalmente se manifeste sobre o serviço de jogos por streaming Gaikai. Apesar de tê-lo comprado em meados de 2012, a Sony falou pouquíssimo sobre o que pretende fazer com essa nova tecnologia desde então. A oportunidade se apresenta agora, e há boatos de que o próximo PlayStation poderia usá-lo para rodar jogos de PS3.

Imagem
Personal 3D Viewer da Sony promete 3D realista no PS3 (Foto: Divulgação)

O que pode não pintar

Apesar de todo o pensamento positivo, algumas coisas não têm muita chance de pintar durante o evento. Os dois celulares da linha Xperia demonstrados na MWC2013, embora estejam no radar de muita gente, não deve concorrer com o espaço do PlayStation, nem mesmo para a exibição da nova PlayStation Mobile. Igualmente, a televisão OLED de disposição 4K revelada há poucos meses pela Sony, embora seja importante para a estratégia da empresa, deve ter um evento próprio.
Outra coisa que não será mencionada, se o bom senso tiver qualquer parte neste anúncio, será a trava contra jogos usados que circulou em boatos durante tantos anos – com o crescimento da distribuição digital e a Microsoft indo por este caminho opressivo, a Sony deve se diferenciar pelo respeito à propriedade dos discos de jogo. De fato, se a Sony não fizer isso, estará ganhando muito do mercado do Xbox.


Especificações

O kit de desenvolvimento do PS4, modelo #DVKT-KS000K, trazia as seguintes especificações:
Componentes : Detalhes
Memória RAM :
8 GB
Memória de Vídeo: 2.2 GB
CPU: 4x Dual-Core AMD64 “Bulldozer” (o equivalente a 8x cores)
Placa Gráfica : AMD R10xx
Saídas : 4x USB 3.0, 2x Ethernet
Mídia : Blu-Ray
HDD : 160 GB
Saída de Audio : HDMI & Optical, 2.0, 5.1 & 7.1 channels
É possível notar algumas informações estranhas, como o tamanho bem pequeno do HD e as duas portas de entrada Ethernet. Ambos os casos indicam que a unidade apresentada faz parte de um kit de desenvolvimento. As duas portas servem apenas para propósitos de testes e compartilhamentos, enquanto o HD pequeno barateia a distribuição dos kits, que só precisam de um espaço reduzido para instalar os jogos que serão desenvolvidos.



[b]fonte: Techtudo