•  
     

Guardiola sai do Barcelona e Vilanova é o novo treinador

Imagem
A saída de Pep Guardiola do FC Barcelona foi hoje anunciada pelo presidente do clube, Sandro Rosell, que, em conferência de imprensa, agradeceu àquele a quem chamou o "melhor treinador da história do Barça".

"Apoio a sua decisão. Obrigado Pep por tudo o que deste ao teu Barça. Por representares esta instituição de forma modelo, pelo teu afeto, apoio e carinho", disse Rosell.

O dirigente catalão teve as primeiras palavras na conferência, seguindo-se Pep Guardiola, com o técnico a confessar que desde há alguns meses sabia que se tinha esgotado um ciclo e que sai com a sensação de trabalho feito.

"Não tenham medo porque quem me suceder está mais do que capacitado para me superar", disse Pep Guardiola, ainda antes de Rosell anunciar que o novo treinador da equipa será Tito Vilanova, adjunto de Guardiola.

Nas razões para a saída, Guardiola justificou que o tempo desgasta e lembrou que foram quatro anos.

"No outono comuniquei ao presidente que o final da minha etapa estava a chegar, mas na ocasião não podia dizer nada aos jogadores, o que seria um desastre. Agora penso que é o momento, depois de ficar fora das competições mais importantes", disse.

Guardiola encontrava-se há quatro épocas como treinador principal do FC Barcelona, ao qual chegou depois de uma época a orientar a equipa B, em 2007/08.

Nessas quatro épocas, conquistou todos os títulos mais importantes, entre eles o Mundial de clubes (2009 e 2011), Liga dos Campeões (2009 e 2011), Supertaça europeia (2009 e 2011), liga espanhola (2009, 2010 e 2011), Taça do Rei (2009) e Supertaça de Espanha (2009, 2010 e 2011).

Esta temporada, o FC Barcelona falhou o apuramento para a final da "Champions" e, a três jornadas do termo da liga espanhola, está a sete pontos de distância do líder Real Madrid, orientado por José Mourinho.

Fonte
Joinha ?
 
eu vi isso no jornal Barcelona tbm uma droga...