•  
     

Funcionamento de um motor de quatro tempos

Um motor de combustão nada mais é do que uma máquina, capaz de transformar a energia química do combustível em calor e, esse calor em movimento.

Os motores podem trabalhar segundo dois ciclos: Ciclos mecânicos e ciclos térmicos.

Ciclos mecânicos: Podem ser de dois ou quatro tempos, onde, cada tempo equivale a meia volta da árvore de manivelas ou 180 graus de giro. Nos ciclos mecânicos são estudados os movimentos mecânicos das peças móveis do motor e seu posicionamento, como: válvulas de admissão e escape, árvore de manivelas e os êmbolos (pistões).

Ciclos térmicos: É divido em seis fases ou tempos. Leva em consideração o estudo da transformação da energia química em calor e sua preparação. Neste ciclo, não importa em que posição as peças móveis se encontram, apenas, como é desenvolvido a preparação, queima e eliminação dos gases de combustão.


Neste motor, há peças fixas (cabeçote, bloco de cilindros, cilindros, carter, etc) e peças móveis (pistão, biela, árvore de manivelas) além do mecanismo de distribuição mecânica (árvore de comando, válvulas, etc).

Imagem

Pistões: Exercem o movimento de subida e descida dentro dos cilindros do motor. Cada movimento do pistão é denominado curso. Os pontos extremos (alto e baixo) são chamados de PMS (Ponto Morto Superior) e PMI (Ponto Morto Inferior).
Árvore de manivelas: Também chamado de virabrequim ou girabrequim, tem por função, transformar os movimentos alternados dos pistões em movimentos circulares contínuos.
A haste de ligação entre o pistão e a árvore de manivelas é chamada de biela.


Imagem


Os pistões trabalham dentro dos cilindros, que na maior parte dos motores estão alojados em um bloco, denominado “bloco de cilindros”.

Na parte superior do motor (no cabeçote) encontram-se as válvulas de admissão e de escape. Num motor a quatro tempos, há no mínimo duas válvulas por cilindro. Neste caso, um motor de quatro cilindros possui oito válvulas.
A válvula de admissão está interligada ao coletor de admissão, que por sua vez, aloja o carburador ou corpo de borboleta (sistema de injeção eletrônica).
A válvula de escape está interligada ao coletor de escape e ao escapamento.



Resumindo:
1 tempo = 1 curso do pistão = 1/2 volta da árvore de manivelas ou 180 graus de giro.

Portanto:
4 tempos = 4 cursos do pistão = 2 voltas da árvore de manivelas ou 720 graus de giro

Como podemos observar, para que sejam efetuados os quatro tempos do motor, são necessários duas voltas da árvore de manivelas e quatro cursos do pistão.

Durante o funcionamento, o motor exerce quatro funções importantíssimas que são: admissão, compressão, explosão e escape. Coincidentemente, como temos quatro tempos e quatro funções, cada uma dessas funções caiu num tempo, ou seja, admissão no primeiro tempo, compressão no segundo tempo, explosão no terceiro tempo e escape no quarto tempo.

:: Primeiro tempo – admissão


Imagem

O pistão, partindo do PMS para o PMI (movimento descendente) provoca uma queda de pressão no cilindro, o que provoca a aspiração dos gases de admissão.
Para que a admissão possa ser realizada, a válvula de admissão deve estar aberta e a de escape fechada.
Na figura acima, temos o ar penetrando pelo coletor e a válvula de injeção pulverizando o combustível na massa de ar.
A válvula de admissão permanece aberta durante todo o curso de descido do pistão. Quanto o pistão atingir o PMI, foi realizado um curso e meia volta da árvore de manivelas, ou seja, um tempo.

:: Segundo tempo – compressão

Imagem

No segundo tempo, o pistão partirá do PMI para o PMS (movimento ascendente). A válvula de admissão e de escape ficarão fechadas. Com isso a mistura ar e combustível não tem como escapar do cilindro, sendo comprimidos pelo pistão.
Para um motor a gasolina, essa compressão poderá ser de 8 a 10 vezes maior que o seu volume na admissão, ou seja, será fortemente comprimido na câmara de explosão.


:: Terceiro tempo – explosão

Imagem

No final do segundo tempo, através do sistema de ignição, é produzido uma centelha elétrica (faísca) nos eletrodos da vela. Com isso, iniciará o processo de inflamação dos gases.
Com a inflamação ocorrerá o aumente de temperatura e a dilatação dos gases. A pressão subirá rapidamente o que provocará a impulsão do pistão novamente para o PMI.
Durante todo o tempo de explosão, as duas válvulas se manterão fechadas.
O terceiro tempo também pode ser chamado de tempo motor, pois, é o único que realiza trabalho.

:: Quarto tempo – escape

Imagem

Ao atingir o PMI, a válvula de escape começará a abrir-se e o pistão voltará para o PMS. Com isso, os gases queimados poderão sair para fora do cilindro, sendo capturados pelo coletor de escape.

No quarto tempo, somente a válvula de escape ficará aberta.

Quando o pistão atingir o PMS, a válvula de escape estará fechada e a de admissão iniciará sua abertura. Começa tudo de novo.


A partir daí o que ocorre é uma repetição, por isso, damos o nome de ciclo.

Fonte: Renault19Club.com
 
Meu padrasto meche com isso ele e mecanico de barco lancha & jeTSky
 
Eu ia fazer curso sobre isto , mais perdi o horario da prova .
dae nao deu pra eu faze
 
Aqui temos um Chevete vermelho tubarãozinho 77 Gasolina Motor Retificado , todo revisado e o carro completamente restaurado
Também tem Hilux CD 2006 PRETA
Golf GTI 2010 Vermelho
Uno mile fire 2002 Prata ótimas condições e restaurado também . pintura e espelhamento recém feitos
Gol G4 2005/2006 vermelho
Corsa Classic ano 2012 cinza
CB 300 com ABS na frente e traseira luz shenon
 
Meu professor de Física mandou nois fazermos um trabalho sobre isso .
 
da hora mano , isso para quem quer ser mecânico já é um bom começo ler esse tópico né. hehe
 
Pow Legal o Topico Parabens!
 
Eu faço curso de mecanico no SENAI :mrgreen:

_________________________________________

Nome: Douglas Silva

Nick: .~MgZ* DougLAs - NovoTopico.com

Cargo: ADM 4Fun2

Iρ: 200.98.214.107:27022

Skype: Douglas.silvamg

Contato: [email protected]



O Homem Sonha Deus Realiza !!
 
Nossa gostei de mais desse Topico maninho
apesar que eu lé tudo isso
Nem eu acredito

mais mano gosto de carro pra caramba principalmente dos motores
 
bom topico =), ja que eu trabalho na mecanica do meu pai hehe