•  
     

Do samba ao romantismo italiano: o estilo musical de Joel Santana

Em tempos de carnaval, comandante rubro-negro mostra refinamento e diversidade nos gostos que vão muito além do tradicional pagodinho

O sorriso aberto e o bom humor são traços marcantes de Joel Santana. E nesta sua quinta passagem pelo Flamengo, estas características estão ainda mais presentes. Durante a entrevista coletiva da última sexta-feira, além das frases de efeito que arrancaram risadas dos jornalistas presentes, o treinador ainda mostrou uma nova faceta: crítico musical. Após receber o pedido para escolher uma música tida como favorita, Joel mostrou amplo conhecimento e passeou pelos mais variados estilos.

Imagem

18/02/2012 10h15 - Atualizado em 18/02/2012 10h15
Do samba ao romantismo italiano: o estilo musical de Joel Santana
Em tempos de carnaval, comandante rubro-negro mostra refinamento e diversidade nos gostos que vão muito além do tradicional pagodinho
Por Rafael Cavalieri e Richard Souza
Rio de Janeiro



O sorriso aberto e o bom humor são traços marcantes de Joel Santana. E nesta sua quinta passagem pelo Flamengo, estas características estão ainda mais presentes. Durante a entrevista coletiva da última sexta-feira, além das frases de efeito que arrancaram risadas dos jornalistas presentes, o treinador ainda mostrou uma nova faceta: crítico musical. Após receber o pedido para escolher uma música tida como favorita, Joel mostrou amplo conhecimento e passeou pelos mais variados estilos.

Joel Santana vai curtir o carnaval deste ano dentro de casa (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)
O começo foi indireto. Ao falar a expressão "deixa acontecer", acabou lembrando um samba do Grupo Revelação. Fã de samba, elogiou o grupo, mas em seguida foi passear pela MPB ao citar Djavan. Joel elegeu a música "Sina" como uma de suas favoritas e chegou a cantarolar o trecho inicial. Da MPB passou para o pop-rock nacional se dizendo fã do hitmaker Lulu Santos.


- Gosto muito das músicas dele. É muito animado - comentou.

Mas a surpresa veio mesmo quando Joel cruzou o Oceano Atlântico e foi parar lá na Itália. O comandante rubro-negro se disse fã do cantor italiano Luciano Bruno, famoso por fazer releituras de clássicos da música do país como "Champagne" e "Roberta". Esta última, por sinal, é a favorita do Joel.
- Essa música é bonita demais. Quando tem show dele aqui no Rio eu corro para assistir - disse Joel, que só torceu o nariz quando lembrou as músicas que os jogadores do Flamengo colocam no ônibus.
- São uns funks pesados. Aí não dá não (risos).
Fã também de carnaval, Joel Santana afirmou que neste ano, apesar dos muitos convites, não vai desfilar por nenhuma escola e nem marcar presença em algum camarote na Sapucaí. Os sambas e demais estilos musicais ficarão restritos ao som de sua casa. Tudo para fazer o Flamengo chegar ao título da Taça Guanabara.
- A gente espera estar na semifinal. Vai ter jogo quarta-feira. Não marcaram? Então tem treino - finalizou.
Contra o Resende, no Raulino de Oliveira, o Flamengo precisa da vitória para conquistar a vaga na semifinal sem depender do resultado do Botafogo, que enfrenta o Macaé. O Resende depende apenas de um empate. Todas as partidas da rodada serão realizadas às 16h20m (de Brasília) deste sábado.
 
kct

nenhum visualização

maguo

=(
 
KcS; Escreveu:kct

nenhum visualização

maguo

=(

sauhsahuhuahusa - fica Tranquilo ai fui o 1